videoimpar 2014

Quem fuma, não se importa. Ou pelo menos a maioria dos que fumam não. Mas quem não fuma se importa, não querem ser fumantes passivos. Se é preciso ter uma lei que faça com que os fumantes respeitem a liberdade de não querer fumar dos não fumantes, que ela exista e seja cobrada de todos os estabelecimentos de maneira efetiva.

Fumar é uma escolha, não fumar também é. Essa lei antifumo traz a opção de NÃO FUMAR como algo que já precisava ser respeitado, mas agora podemos dizer DEVE ser respeitado!

Ana Farias postou isto no dia 13 de fevereiro de 2015.


Comentários
Design e programação: Isabella Sivic & Danielle Cabral